Curando com histórias - 2ª edição - 2011

R$33,00

A inclusão dos pais na consulta terapêutica das crianças

102 pág.

102 pág.

Curando com histórias
Um clássico de Gilberto Safra agora em 2ª edição, com nova apresentação do autor.
     
Este livro é vendido exclusivamente através da Livraria Resposta.
Sobre Curando com histórias 

Este livro é voltado tanto aos profissionais da área clínica quanto às famílias e principalmente aos pais. Trata-se da apresentação, bastante didática, de um método de consulta terapêutica através da qual são criadas histórias infantis que levam em consideração a problemática enfrentada pela criança e buscam uma forma de  superá-la. Este procedimento terapêutico, além de respeitar o mundo imaginativo que é fundamental a todo ser humano, possibilita aos pais uma participação ativa no tratamento de seu filho(a), não só auxiliando na elaboração da história, mas a contando à criança. Há também um efeito terapêutico sobre o pai e a mãe, uma vez que estes recuperam a confiança na capacidade de promover o desenvolvimento de uma criança antes paralisada por angústias que, geralmente, decorrem de dificuldades dos próprios pais. Este trabalho, escrito em 1984 como dissertação de mestrado de Gilberto Safra,  foi agora totalmente revisto por ele, incorporando a experiência e a evolução do  seu pensamento teórica resultantes de um percurso clínico de mais de vinte anos. Kleber Duarte Barretto (extraído do Prefácio do livro)
 
 
  Veja o que diz o autor a respeito do método apresentado neste livro Ao observar o que a Psicologia Clínica em nosso meio tem a oferecer para o atendimento da população infantil, notamos que temos basicamente o diagnóstico e a psicoterapia, esta última sempre de longo prazo e de custo muito alto. No trabalho diário do psicólogo clínico, é cada vez maior a necessidade de contar com procedimentos que possibilitem intervir em momentos em que, pelo incremento da angústia, ocorre uma parada no processo maturacional da criança e o aparecimento de sintoma indicador de conflito, ou naquelas situações de crise provocadas pelo fluxo natural da vida (mortes, mudanças, separações, etc.). Por outro lado, necessitamos também que estes procedimentos sejam economicamente viáveis e portanto passíveis de serem usados no trabalho preventivo e institucional. Uma das soluções está neste método de consulta terapêutica, através do qual, com no máximo três sessões, tenta-se trabalhar com a angústia emergente da vida emocional infantil. É um procedimento que utiliza histórias infantis como meio de intervenção, por ser uma forma lúdica de expressão compatível com a vida mental da criança e também pelo fato de as histórias favorecem o aparecimento dos conceitos winnicottianos de espaço potencial e de fenômenos transicionais, fenômenos esses que são fundamentais para que o trabalho seja realizado sem que a criança se sinta invadida e para que lhe seja possível retomar criativamente o devir do seu self. Gilberto Safra



MENSAGEM DE SONIA NOVINSKY SOBRE A SEGUNDA EDIÇÃO DESTA OBRA
 
 Queridos colegas e amigos, 
 
 É com muita alegria que estamos lançando a segunda edição do livro Curando com Histórias.
 
 Nestes seis anos desde que lançamos a primeira edição, este livro tem ajudado muitos pais, educadores e terapeutas a lidar com a dificuldade das crianças para superar as paradas no processo maturacional.
 
 Sim, porque histórias pertinentes ao momento da criança podem significar a retomada do desenvolvimento, dando significado a situações traumáticas, a emoções dissociadas, recuperando o domínio do eu sobre estados transbordantes. Enfim, eliminando os obstáculos que bloqueiam o bom fluir do processo maturacional.
 
 Esse foi o livro que inaugurou as Edições Sobornost, que aliás comemora seu sexto aniversário neste mês de junho. Desde então, com mais de 350 aulas do Prof. Gilberto Safra publicadas em DVD ou em CDs de áudio, a Sobornost segue seu percurso em direção a uma clínica baseada na ética. Que para Gilberto significa o respeito à condição humana e suas facetas fundamentais pois a teoria, a técnica e os modelos se submetem sempre à ética na proposta clínica de Gilberto.
 
 Para quem clinica isto significa basicamente uma disponibilidade de ajudar o próximo empaticamente, seja no consultório, na escola, na família ou nas instituições. E contemplando a
consequência inevitável de que o método clínico é sempre investigativo, já que é impossível aceitar um modelo fechado, sendo o ser humano um ser aberto. Ou seja, a pesquisa, formalmente conduzida ou não, é sempre parte inerente do método clínico.
 
 Finalmente, quando se fala em clínica (e contar histórias é sempre parte da clínica) há sempre um e o outro em disponibilidade, para que se alcance a comunicação curadora, que funda o nós, que supera o que jazia quieto na dor silenciosa. Ou, como pontua Clare Winnicott (autora que estudamos neste semestre), supera as perdas, as separações e permite a elaboração do luto.
 
 Curando com histórias simboliza também a coerência e a consistência do pensamento de Gilberto, pois sendo seu primeiro livro, é também seu ponto de chegada, neste momento da sua trajetória. Em que mostra como a importância do brincar com o adulto, a comunicação presente no brincar, se harmonizam totalmente com a atividade de contar histórias.
 
 Este livro é ao mesmo tempo simples, didático e pragmático, mas pressupõe a complexidade do ser humano, perdedor inevitável mas inquebrantável cadinho de sonho e esperança. Esperamos que vocês possam usá-lo com sua própria criatividade, inventando as histórias que adultos e crianças necessitem para que seus percursos sejam retomados em comunidade de destino, ou seja, em Sobornost.  
 
 Abraço carinhoso e celebrativo!
 
 
 Sonia Novinsky
 Do Conselho Editorial
 Instituto Sobornost
 sonia@sobornost.com.br
 

COD: 2

voltar para Livros

left tsN fwB show|left tsN fwB bsd b01s|left show fwB bsd b01s|bnull||image-wrap|news fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR c05|b01 c05 bsd|news login normalcase fwR b01 c05 bsd|tsN normalcase fwR c05|b01 normalcase c05 bsd|||